Sessões e Actos Públicos

Presidente da Câmara Municipal modera debate em que participa a Embaixadora da Palestina 
 
O MPPM, Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente, com o apoio da Câmara Municipal da Marinha Grande, promove uma Sessão Pública de Informação e Esclarecimento sobre a Situação na Palestina, na sexta-feira, 19 de Setembro, a partir das 21 horas, no Auditório do Museu do Vidro.
 
O MPPM – Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente – , a Associação de Colectividades do Concelho do Porto, a Associação Portugal-Moçambique e a Índico – Associação Cívica Moçambicana, promovem, no dia 11 de Julho, pelas 21:30 horas, em Massarelos, no Porto, uma sessão pública de solidariedade evocativa dos 60 anos da Nakba palestina.
 
A NAKBA, que em árabe quer dizer Catástrofe, e cujo 60.º aniversário se evoca, marca o princípio da tragédia que se abateu sobre o Povo Palestino, perseguido, massacrado e expulso da sua terra pelos novos ocupantes.
 
O MPPM promoveu, no dia 26 de Maio, pelas 21 horas, no Teatro Cinearte / “A Barraca”, uma sessão pública de solidariedade evocativa dos 60 anos da Nakba palestina.
A sessão foi aberta por Isabel Allegro Magalhães, co-Presidente do MPPM, seguindo-se a leitura de poemas dos poetas palestinos Hanan Awwad e Mahmud Darwish por Maria do Céu Guerra e João D’Ávila.
Seguiram-se intervenções de:
- Randa Nabulsi (Delegada-Geral da Palestina em Portugal)
- Miguel Portas (Eurodeputado, membro da Comissão de Ligação entre o Parlamento Europeu e o Conselho Legislativo da Palestina)
- Alan Stoleroff (Investigador e Professor Universitário)
- Bruno Dias (Deputado à Assembleia da República e membro da Comissão Executiva do MPPM)
- Mohammad Barakeh (Deputado ao Knesset, Presidente da Hadash – Frente democrática pela Paz e Igualdade)
O MPPM – Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente – promove, na próxima 2ª Feira, 26 de Maio, pelas 21 horas, no Teatro Cinearte / “A Barraca”, uma sessão pública de solidariedade evocativa dos 60 anos da Nakba palestina.
 
A sessão será aberta por Isabel Allegro Magalhães, co-Presidente do MPPM, seguindo-se a leitura de poemas dos poetas palestinos Hanan Awwad e Mahmud Darwish por Maria do Céu Guerra e João D’Ávila.
 
Seguem-se intervenções de:
 
— Randa Nabulsi (Delegada-Geral da Palestina em Portugal)
— Miguel Portas (Eurodeputado, membro da Comissão de Ligação entre o Parlamento Europeu e o Conselho Legislativo da Palestina)
— Alan Stoleroff (Investigador e Professor Universitário)
— Bruno Dias (Deputado à Assembleia da República e membro da Comissão Executiva do MPPM)
A convite do MPPM – Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente, visita Portugal, de 24 a 28 Maio, o Sr. Mohammad Barakeh, deputado ao Knesset (Parlamento de Israel) pela Hadash – Frente Democrática pela Paz e Igualdade.
 
Mohammad Barakeh e José Saramago serão alguns dos oradores convidados da Sessão Pública de Solidariedade com a Palestina, evocativa dos 60 Anos da Nakba – a “Catástrofe”, que marcou o início da limpeza étnica da Palestina pelo Estado de Israel –, que o MPPM promove, na próxima 2ª Feira, 26 de Maio, pelas 21 horas, no Teatro Cinearte / A Barraca.
 
Durante a sua estada em Portugal o sr. Barakeh terá, ainda, encontros com diversas personalidades da vida política portuguesa e uma reunião de trabalho com os órgãos sociais do MPPM.
 
Mohammad Barakeh nasceu em Israel, em 1955. É casado e tem 3 filhos.
 
José Saramago eleito presidente da Assembleia Geral do MPPM
 
José Saramago vai presidir à Assembleia Geral do  MPPM – Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente – que realizou hoje a eleição dos seus corpos sociais para o biénio 2008-2009. Isabel Allegro Magalhães e Mário Ruivo co-presidem à Direcção Nacional que integra, ainda, como Vice-Presidentes, José Neves, Frei Bento Domingues e Carlos de Carvalho; Silas Cerqueira será o Coordenador da Comissão Executiva e Frederico Gama de Carvalho o Presidente do Conselho Fiscal.
 
Este acto eleitoral inseriu-se num plano de reforço institucional do MPPM, tornado mandatório pela necessidade imperativa de criar condições mais favoráveis para dinamizar o apoio da opinião pública portuguesa à causa do Povo Palestino na defesa dos seus direitos fundamentais e da Paz no Médio Oriente.
 
Correspondendo ao apelo das Nações Unidas, o MPPM assinalou a data de 29 de Novembro, Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino, com uma Sessão Pública no Museu-Biblioteca República e Resistência, em Lisboa. Com início às 21 horas, a sessão foi presidida por Isabel Allegro Magalhães (MPPM) e incluiu uma Mesa Redonda com os jornalistas especializados nas questões do Médio Oriente Lumena Raposo, José Manuel Rosendo e José Goulão, a que se seguiram as intervenções de encerramento da Embaixadora da Autoridade Palestiniana, Randa Nabulsi, e de Frei Bento Domingues (MPPM).
O Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino é celebrado pelas Nações Unidas, todos os anos, em 29 de Novembro, de acordo com mandatos da Assembleia Geral nas suas resoluções 32/40 B, de 2 de Dezembro de 1977, 34/65 D, de 12 de Dezembro de 1979, 61/23 de 1 de Dezembro de 2006 e outras.
Inserindo-se num conjunto de iniciativas que, em todo o Mundo, apelam à Liberdade para a Palestina e à Paz para o Médio Oriente, exigindo a saída de Israel dos Territórios Palestinianos ocupados desde a Guerra dos Seis Dias (5 a 11 de Junho de 1967), afirmando o direito do Povo Palestino a ter o seu Estado independente, reclamando o termo da violência e do desastre humanitário no Médio Oriente e manifestando a sua Solidariedade com o Povo Palestino, ameaçado na sua sobrevivência, o MPPM promoveu, no dia 4 de Junho, uma Sessão de Intervenção na Casa do Alentejo, em lisboa.
Abdullah al-Hourani, Presidente da Comissão Política do Conselho Nacional Palestiniano e Presidente da Assembleia Palestiniana pela Defesa do Direito ao Regresso, esteve de visita a Portugal entre 27 de Maio e 1 de Junho. Durante a sua estada teve encontros com deputados, dirigentes políticos e sindicais, e eleitos autárquicos. Participou em diversas sessões de esclarecimento e manteve contactos com a comunicação social e com activistas pela causa da Palestina.
Abdullah al-Hourani é uma individualidade política reputada pela sua integridade e independência e deslocou-se a Portugal vindo directamente de Gaza, o que o tornou uma fonte privilegiada de informação sobre a dramática situação em que se encontra o povo da Palestina, numa hora em que está em causa a sua sobrevivência e em que, na Faixa de Gaza, um milhão e meio de Palestinianos enfrentam diariamente a fome e a doença.
O Dia Internacional de Solidariedade com o Povo da Palestina, designado por mandato da Assembleia Geral das Nações Unidas, foi assinalado com uma sessão comemorativa no dia 29 de Novembro, na Casa do Alentejo, em Lisboa.
A sessão, que assinalou o dia em que, em 1947, a ONU aprovou a Resolução que estabelecia na Palestina a existência de dois estados independentes — um judaico e outro árabe —, foi presidida pelo General Pezzarat Correia e registou intervenções do Embaixador Issam Beseisso, Delegado-Geral da Palestina em Portugal, de Frei Bento Domingues, do Prof. Silas Cerqueira e do Engº Aquilino Ribeiro Machado. A finalizar, José Fanha disse poesia palestiniana.
Houve uma expressiva e muito sentida homenagem à memória de Yasser Arafat, recentemente falecido, e da sua luta pela constituição de um Estado Palestiniano independente 

Páginas

Subscreva Sessões e Actos Públicos