Home
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Bem-vindo!

O MPPM é uma organização portuguesa, não-governamental, de solidariedade internacional, acreditada pelas Nações Unidas, que promove a adopção de uma solução justa para a Questão Palestina e a obtenção de uma Paz duradoura no Médio Oriente

Welcome!

MPPM is a Portuguese non-governmental organization for international solidarity recognized by the United Nations that aims at promoting a just solution for the Palestinian Question and at obtaining a lasting peace in the Middle East

clipart-noticiasEsteja a par das notícias da actualidade na Palestina e no Médio Oriente lendo aqui a nova secção Informação > Actualidade ou seguindo a nossa página nofacebook 2015 logo detail

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

ESCLARECIMENTO SOBRE ALEGADOS ACTOS DE VANDALISMO REGISTADOS NO PORTO

Na sequência de notícias vindas a público sobre um alegado ataque de vandalismo registado sexta-feira no Porto, junto a um restaurante de um conhecido chef português, e a pedido de vários órgãos de comunicação social, a Direcção Nacional do MPPM esclarece:

 1. o MPPM é um movimento de solidariedade, reconhecido pela Comissão das Nações Unidas pelos Direitos Inalienáveis do Povo Palestino, e que orienta a sua acção para o esclarecimento da opinião pública e a intervenção política, visando a defesa dos direitos do povo palestino e a denúncia dos crimes da política de ocupação e limpeza étnica levada a cabo pelo Estado de Israel, e pela paz no Médio Oriente, indissociável do reconhecimento dos direitos políticos daquele povo, conforme o direito e a legalidade internacional, designadamente as resoluções pertinentes da ONU;

 2. o MPPM subscreveu, em conjunto com outras organizações, um apelo para que um conhecido chef de cozinha português cancelasse a sua participação num evento de promoção turística em Israel cujo objectivo é o de branquear a imagem internacional de Israel e legitimar a continuidade da sua política de ocupação levada a cabo em desafio aberto da lei internacional, posição que entende nesta ocasião reafirmar;

 3. acções como as que ocorreram no Porto, e cuja autoria se desconhece, não são da responsabilidade, nem têm qualquer relação com o perfil de iniciativas, princípios políticos e vocação de uma organização com as responsabilidades e o estatuto do MPPM.

Lisboa, 20 de Novembro de 2016

A Direcção Nacional do MPPM

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

MPPM CELEBRA DIA INTERNACIONAL DE SOLIDARIEDADE COM O POVO DA PALESTINA

Integrado no programa das Jornadas de Solidariedade com a Palestina 2016, o MPPM assinala o Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino com uma Sessão Pública a realizar no próximo dia 29 de Novembro, a partir das 18.30 horas, na Casa do Alentejo (Rua das Portas de Santo Antão, 58 – Lisboa).

A sessão conta com intervenções de:

Maria do Céu Guerra, Presidente do MPPM

Hikmat Ajjuri, Embaixador da Palestina

Pedro Bacelar de Vasconcelos, Deputado à Assembleia da República

Carlos Carvalho, membro da Direcção Nacional do CPPC

Carlos Almeida, Vice-Presidente do MPPM

A abrir a sessão será prestada uma homenagem a Silas Cerqueira, activista da Paz e fundador do MPPM (1929-2016)

O dia 29 de Novembro foi proclamado, em 1977, pela Assembleia Geral da ONU, como o Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino, evocando a data em que, em 1947, a Assembleia Geral das Nações Unidas adoptou a resolução 181 (II) que preconizava a partilha da Palestina em dois Estados - um judaico e um árabe - com um estatuto especial para Jerusalém, mas que jamais foi cumprida no que respeita à criação do Estado Palestino.

Desde a sua constituição, o MPPM tem assinalado esta data com manifestações de solidariedade com a luta do povo palestino pelo reconhecimento dos seus direitos naturais, divulgando a sua história, a sua cultura e as suas tradições em iniciativas que, nos últimos anos, se têm agrupado nas Jornadas de solidariedade com a Palestina.

Mas a constituição de um Estado Palestino independente, soberano e viável, dentro das fronteiras de 1967, com capital em Jerusalém Leste, está cada vez mais ameaçada. Tal como está o encontrar uma solução justa para o problema dos 7 milhões de refugiados e deslocados palestinos.

Só a solidariedade internacional, só a força da opinião pública, pode pressionar os governos para reverter esta situação.

Venha, no dia 29, dar força ao movimento de solidariedade com o povo palestino, traga um amigo e divulgue esta iniciativa!

cartaz sesso 29nov v2

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

JORNADAS DE SOLIDARIEDADE COM A PALESTINA – 2016

JANTAR PALESTINO

O MPPM organiza, no próximo dia 25 de Novembro, pelas 20 horas, no Grupo Sportivo Adicense (Rua de São Pedro, 20, a Alfama, em Lisboa, o tradicional Jantar Palestino, integrado nas Jornadas de Solidariedade com a Palestina – 2016.

A ementa, que consta do cartaz anexo, de responsabilidade do Chefe Ashraf, é aliciante e variada, proporcionando um apetitoso contacto com a cultura gastronómica palestina.

Contamos, ainda, com a amável e generosa colaboração do grupo Canto Ondo, integrado por Rodrigo Crespo e Tânia Cardoso, que interpretará poemas musicados do Al-Andaluz.

Informações e reservas: pelo email Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar ou pelos telefones 917407005, 939078884, 962640520 ou 966445807.

cartaz jantar 2016 v2Este evento está incluído num programa mais amplo que inclui, ainda:

Terça-Feira, 29 de Novembro, 18.30 horas – Casa do Alentejo (Rua das Portas de Santo Antão, 58, Lisboa) – Sessão do Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino, integrando uma homenagem a Silas Cerqueira, activista da Paz e fundador do MPPM, recentemente falecido.

Quarta-Feira, 30 de Novembro, 21 horas – Biblioteca Municipal de Pinhal Novo – Inauguração da Exposição “Gaza 2014 – Testemunho de Uma Agressão”, seguida da projecção de um documentário sobre a questão palestina e debate. Este evento é organizado em cooperação com a Câmara Municipal de Palmela e a Missão Diplomática da Palestina.

Terça-Feira, 6 de Dezembro, 18.30 horas – Colóquio sobre “A Palestina, o Direito Internacional e a Constituição Portuguesa”, com a participação de reputados juristas.

Entretanto, na passada quarta-feira, 9 de Novembro, pelas 21 horas, no Teatro A Barraca (Largo de Santos, 2, em Lisboa), o MPPM promoveu uma Homenagem às Mulheres Palestinas que abriu com a performance “Corpo na Trouxa”, interpretada por Shahd Wadi, acompanhada no contrabaixo por Luís Grácio, seguindo-se uma apresentação de Poesia Palestina no Feminino por Maria do Céu Guerra e culminando com um debate sobre A Mulher Palestina na Sociedade. Maria do Céu Guerra (MPPM), Regina Marques (MDM), Ana Cansado (UMAR) e Shahd Wadi.

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

MULHERES PALESTINAS HOMENAGEADAS NA BARRACA

Uma “Homenagem às Mulheres Palestinas” inaugurou no passado dia 9 de Novembro, no Teatro A Barraca, as Jornadas de Solidariedade com a Palestina – 2016 organizadas pelo MPPM.

jsp 2016 mulheres 717O evento abriu com “Corpo na Trouxa”, uma performance de Shahd Wadi com um contraponto musical no contrabaixo por Luís Grácio. “História de vida de um corpo exilado contada pela trouxa palestina. Uma narrativa feminista sobre o sonho do regresso” – é assim que a Shahd caracteriza a sua representação.

Maria do Céu Guerra disse poemas das poetas palestinas Fadwa Tuqan e Hanan Ashrawi e o poema “À minha mãe”, de Mahmoud Darwich. Terminou com uma fortíssima interpretação da versão portuguesa dojsp 2016 mulheres 721 poema “We teach life, sir”

A sessão terminou com um debate sobre “As Mulheres Palestinas na Sociedade” que Maria do Céu Guerra, em representação do MPPM, introduziu com a leitura de testemunhos impressionantes de mulheres palestinas recolhidos pelo Freedom Theatre, de Jenin.

As intervenções de Regina Marques (MDM), Ana Cansado (UMAR) e Shahd Wadi ajudaram a completar o quadro da mulher palestina protagonista de uma dupla luta: contra a ocupação e pelo reconhecimento dos seus direitos de género.

jsp 2016 mulheres 722jsp 2016 mulheres 724Uma forma diferente de abordar a temática palestina apresentada a uma audiência que quase esgotou a sala principal do teatro.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Página 1 de 21
Desenvolvimento: Criações Digitais, Lda  |   Serviços:  Impressão digital  |  Webmarketing