Home Notícias
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Especialistas em radiação suíços confirmam que encontraram vestígios de polónio na roupa usada por Yasser Arafat: cresce a possibilidade de o líder palestino ter sido envenenado

Num relatório publicado, há poucos dias, pela revista médica britânica “The Lancet”, a equipa suíça apresenta dados científicos para suportar as declarações feitas, em 2012, à comunicação social, de que tinham encontrado polónio em pertences de Arafat.

Arafat morreu em França em 11 de Novembro de 2004, com a idade de 75 anos, mas os médicos não foram capazes de especificar a causa da morte já que, a pedido da viúva, não foi realizada autópsia.

Os seus restos mortais foram exumados em Novembro de 2012 e foram colhidas amostras, em parte em resposta a suspeitas de poderia ter sido envenenado, suspeitas essas que se avolumaram após o assassinato do ex-espião russo e crítico do Kremlin Alexander Litvinenko em 2006. A investigação está a ser conduzida, separadamente, por equipas da França, da Suíça e da Rússia.

No relatório da “The Lancet”, os oito cientistas dizem ter realizado exames radiológicos em 75 amostras. Trinta e oito amostras vieram de objectos pertencentes a Arafat, incluindo roupa interior, um chapéu shapka, escova de dentes, um gorro hospitalar e roupas desportivas, que foram fornecidos pela viúva do líder palestino, Suha Arafat. Estas foram comparadas com 37 amostras de "referência" de roupas de algodão que haviam sido guardadas num sótão, durante 10 anos, protegidas da poeira.

Ler mais...
 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

A água: arma silenciosa no conflito israelo-palestino

folha informativa n 5 - iconeA Folha Informativa nº 5  tem como tema central a questão do acesso aos recursos hídricos no território da Palestina e a forma como a espoliação deste recurso precioso por parte de Israel obedece a um plano que tem a sua origem no início da ocupação sionista. Ao coarctar o legítimo direito à água, Israel está a utilizar esta arma silenciosa para forçar o povo palestino ao abandono da sua pátria, está a praticar um genocídio discreto. Não podemos calar este crime; o silêncio é cumplicidade.

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Israel prepara nova limpeza étnica

folha informativa n 4 - agosto 2013 - coneA Folha Informativa nº 4 do MPPM, agora publicada, é dedicada a um tema pouco falado na análise da questão palestina – a expulsão dos cidadãos árabes de Israel das suas casas e das suas terras.

Abordamos o tema em duas vertentes plenas de actualidade: a demolição de casas e consequente destruição da vida familiar, e o plano para a expulsão da população beduína do Negev no que, a concretizar-se, seria a maior limpeza étnica praticada por Israel depois dos anos da Nakba.

 
Mais artigos...
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Página 8 de 20
Desenvolvimento: Criações Digitais, Lda  |   Serviços:  Impressão digital  |  Webmarketing