Home Jornadas Solidariedade 2ª Semana da Palestina associada a Jerusalém Capital da Cultura Árabe
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

1811qudsMPPM ASSOCIA-SE À CELEBRAÇÃO DE «JERUSALÉM - CAPITAL DA CULTURA ÁRABE 2009» COM A SUA 2ª SEMANA DA PALESTINA

 

A ideia de Capitais de Cultura foi lançada numa conferência internacional organizada pela ONU, no México, em 1982. Aí, foi adoptada uma convenção para o desenvolvimento cultural internacional que apelava ao diálogo cultural entre os povos do mundo: um diálogo aberto, com respeito pelas identidades culturais nacionais e pela diversidade das civilizações, baseado na unidade dos valores humanos fundamentais. A UNESCO foi incumbida do papel de relacionar cultura e desenvolvimento. A ALESCO (Organização da Liga Árabe para a Educação, Cultura e Ciência), promoveu um programa de capitais regionais de cultura que começou no Cairo, em 1986, e prosseguiu em Tunis (1997), Sharjah (1998), Beirute (1999), Riad (2000), Kuwait (2001), Amã (2002), Rabat (2003) Sanaa (2004), Cartum (2005), Mascate (2006), Argel (2007) e Damasco (2008). Em 2009, foi designada Jerusalém como Capital da Cultura Árabe.

A visão da organização era que "a celebração de Jerusalém como Capital da Cultura Árabe 2009, tanto no mundo árabe como a nível internacional, confirma que Jerusalém é uma parte integrante dos territórios ocupados em 1967; além disso, reafirma que Jerusalém Oriental como capital do Estado Palestino independente, assim como a sua identidade cultural árabe, e apoia a firmeza do seu povo contra a ocupação israelita e promove o compromisso de uma identidade árabe nacional e unificada".

Entre os objectivos definidos "para restaurar a proeminência de Jerusalém como cidade de valores culturais, históricos e religiosos de modo a proteger e preservar a sua identidade cultural árabe", estava o de "organizar uma campanha internacional, com a cooperação de organizações regionais e internacionais e grupos de solidariedade para promover a identidade histórica e cultural de Jerusalém como capital do Estado da Palestina".

Foi em resposta a esta chamada que o MPPM decidiu associar a sua 2ª Semana da Palestina às celebrações de Jerusalém Capital da Cultura Árabe 2009.

 
Desenvolvimento: Criações Digitais, Lda  |   Serviços:  Impressão digital  |  Webmarketing