Home Actualidade PALESTINO DE 17 ANOS MORTO A TIRO PELAS FORÇAS DE OCUPAÇÃO ISRAELITAS
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

PALESTINO DE 17 ANOS MORTO A TIRO PELAS FORÇAS DE OCUPAÇÃO ISRAELITAS

Na tarde de segunda-feira, 16 de Janeiro, as forças de ocupação israelitas mataram a tiro o adolescente palestino Qusay Hasan al-Umour, de 17 anos, durante confrontos na aldeia de Tuqu, na zona de Belém, na Margem Ocidental ocupada.

Outros quatro palestinos, incluindo uma mulher, foram também feridos a tiro durante os confrontos, em que as forças israelitas usaram balas reais, balas de aço revestidas de borracha e gás lacrimogéneo.

O Crescente Vermelho Palestino informou a agência noticiosa Ma'an que o jovem foi atingido no peito com balas reais pelo menos três vezes. Médicos que examinaram o corpo contaram seis buracos de bala no peito e membros inferiores do adolescente.

As forças israelitas detiveram Qusay Hasan al-Umour durante algum tempo antes de entregarem o seu corpo ao CVP, não sendo claro se o jovem já estava morto ou se morreu vítima dos ferimentos durante o período em que esteve detido.

Nenhum israelita ficou ferido nos confrontos, informou a polícia israelita.

O jovem Al-Umour é o quarto palestino a ser morto pelas forças israelitas em 2017. Nas primeiras duas semanas do ano, quatro israelitas foram mortos por palestinos. Em 2016, a agência Ma'an registou a morte de 112 palestinos, 15 israelitas e 3 pessoas de outras nacionalidades.

[17.01.2017]

 
Desenvolvimento: Criações Digitais, Lda  |   Serviços:  Impressão digital  |  Webmarketing